Queridos Amigos

Venho deixar-vos hoje uma receita que fez as delicias de todos os que a comeram. Muito fácil, cheia de coisas boas e que vão gostar, certamente.

Para esta lasanha comprei:

Massa de lasanha – 1 embalagem comprei bio, mas qualquer uma serve

Vegetais a gosto – utilizei beringela, batata doce laranja, cenoura, curgete, pimento vermelho, abóbora hokkaido, alho francês e espinafres

Queijo vegetal ralado – 1 embalagem

Para o molho de tomate: 

3 tomates

2 tiras largas de  pimento vermelho – dá um gosto especial ao molho de tomate

1/2 cenoura

1 c. chá oregãos

azeite, sal, pimenta e curcuma

Faço na Bimby da forma tradicional. Misturo tudo, trituro um pouco e deixo cozinhar por 10 minutos. No final bato até ficar cremoso. Se for feito num tacho é deixar cozinhar e triturar no fim com a varinha mágica.

Para o bechamel: Faço a receita da Bimby, mas qualquer receita dá

Leite vegetal sem açúcar – 3/4 de litro

Amido de milho (tradicional maizena) eu prefiro um amido de milho biológico – 2 c. sopa

Azeite – 1 colher de sopa

Noz moscada – 1/2 colher de café

Sal e pimenta q.b.

Modo de preparação:

Cortar os vegetais em bocados e saltear em azeite, excepto os espinafres, que serão adicionados quando os vegetais estiverem “al dente”. Não deixar os vegetais cozinhar muito pois vão ter tempo de fazê-lo no forno enquanto a lasanha coze. temperar de sal e adicionar os espinafres crus.

Forrar o pirex com as folhas de lasanha e espalhar um pouco do molho bechamel. Cobrir com parte dos vegetais.

Deitar um pouco de molho de tomate, um pouco do “queijo” ralado e cobrir com um pouco do bechamel

 

Voltar a repetir o processo. Folhas de lasanha, vegetais, molho de tomate e molho bechamel e “queijo”. A ultima camada é de massa. deitar o restante molho bechamel por cima, deitar o restante “queijo” e levar ao forno por 30 minutos em forno médio (160º a 180º)

 

Aqui acompanhou com uma salada de rúcula, couve roxa e germinados. Acompanhou um bom vinho tinto e foi uma delícia.

 

 

 

 

Leave a Comment